quinta-feira, maio 25, 2006

Estatística

Conheci uma rapariga por quem criei uma relação de algum afecto. Não a amo, não estou apaixonado, não a quero casar com ela. Não sei explicar, mas gostava de lhe dar uns beijos. Nem sequer queria ter sexo, apenas fazer-lhe cócegas e beijá-la!
Mas que raio significa isto????
Porque razão não podemos dar uns beijitos a quem nos apetece?
Só queria voltar a ter aquele arrepio na espinha do primeiro beijo!
Um beijo não é traição!... ou é? Ou ainda, poderá um homem amar de forma diferente mais de que uma mulher?
Temos que fazer uma estatística!!!

terça-feira, maio 23, 2006

Chico Buarque - Mulheres


Tenho um DVD do Chico Buarque no qual, no meio das músicas, ele vai falando e numa das falas encontrei uma conversa sobre as mulheres e achei que ele me estava a tirar as palavras da boca! Eu, como ele, tenho uma grande curiosidade pelas mulheres, que para mim, são sempre um grande mistério. É por isso que gosto tanto de ficar a observar os gestos, as conversas e os modos delas. Outra coisa que ele diz e para mim é verdade é o facto de eu, às mulheres perdoar quase tudo, sou um coração de manteiga...

Cuidadosamente apanhei a conversa que a seguir transcrevo. Não elaborei o texto, está tal qual vem no DVD, em discurso directo, talvez por isso pareça um pouco estranho, mas aqui vai:


“Existe um grande mistério na alma feminina, eu tenho uma grande curiosidade com relação à mulher, à forma como ela pensa, como ela age…, eu sou um espectador, um “voyer”, um vedor. Gosto de ver como elas se movem, como elas raciocinam, como reagem diante das coisas…, é sempre uma surpresa para mim, não acaba, por mais que… A conversa não resolve nada, você fala, fala, fala, mas há coisas que permanecem numa zona de mistério e eu me considero até um grande desconhecedor da alma feminina ao contrário do que as pessoas falam, (por causa das canções e tal…) mas eu sou muito curioso, exactamente por desconhecer, por querer saber, por querer entender, e não entender nunca… Admirar as mulheres de uma forma… porque as mulheres ….à mulheres terríveis fazem coisas horrorosas mas um amigo que faça uma coisa terrível você rompe com ele para sempre, uma mulher que faça...você releva um pouquinho por que ali há algum motivo de mulher que você talvez não entenda e aí bom … isso se deveu mais a um motivo feminino. Essa coisa que aconteceu ou aquela coisa que ela falou ou essa coisa que ela fez deve ter alguma coisa por trás …é isso.”
Chico Buarque, DVD “A flor da pele”

segunda-feira, maio 22, 2006

Ainda em obras!

Não sei se alguém reparou, mas num momento de inspiração mudei o título e a descrição! Foi em honra daquela música de uma das primeiras novelas (O Casarão ou Dancig Days, já não me lembro) que era assim: Eu sou nuvem passageira, que com o vento se vai, eu sou como um cristal bonito....
Se soubesse como, punha-a aqui no blog...é uma música que inspira muita serenidade, até porque de fundo se ouve as ondas do mar, lembram-se?

sábado, maio 20, 2006

Ainda cá ando...

...pouco mas ando! Mal tenho tido tempo para respirar…!

Esta semana entrou no sitio onde trabalho uma nova colega e como fiquei encarregado de orientar a moça nas suas novas funções tive que fazer o trabalho de duas pessoas (o meu e o dela). O pior foi quando na 5ª feira, me comunicou que tinha arranjado um emprego melhor e que por isso se ia embora!! (Grrrrrrrrrrrrr!!!!!)

Para além disso tenho tentado fazer um trabalho para a escola, que deveria ter entregue na sexta-feira passada e só hoje consegui adiantar alguma coisa!

E há tanta coisa que me preocupa e não posso escrever!! Por exemplo, já imaginaram o que aconteceria se vocês homens como eu, estivessem no meio daquela bandeira maravilhosa de hoje à tarde??

segunda-feira, maio 15, 2006

Antes do ...



Dos discos passo agora aos filmes!

Gosto muito de cinema, daqueles filmes que contam histórias de pessoas reais, com problemas e alegrias iguais às nossas, ou pelo menos que sejam possíveis de se passarem connosco. Confesso que não tenho muita paciência para filmes de ficção ou filmes fantásticos. Entre os meus filmes preferidos estão o “Cinema Paraíso” e “A vida é bela” do Roberto Begnini, entre outros que não vou agora listar.

Recentemente vi o “Match Point” do Woody Allen, um filme desconcertante. Fez me ver como é fácil um homem dar cabo da vida por pensar demasiado com as partes baixas, se é que me faço entender. Se já o viram sabem do que estou a falar.

Mas o que eu queria agora falar era dos seguintes filmes: Antes do Amanhecer e Antes do Anoitecer e que a página da FNAC resume assim:

Jesse, um jovem americano e Celine, uma estudante francesa, encontram-se casualmente no comboio para Viena. Ele convence-a a desembarcar em Viena e encrivelmente vão-se envolvendo numa paixão crescente ...e nove anos depois a história repete-se! Nove anos passaram desde o dia em que Jesse (Hawke) e Celine (Delpy) se conheceram em Viena. Jesse volta a encontrar Celine, desta vez numa livraria parisiense. Numa viagem estimulante pela cidade, vão redescobrir o amor pelo inesperado, pelo improvisado e, essencialmente, o amor de um pelo outro.

Se puderem não deixem de ver! Dois filmes com apenas dois actores, filmado quase em tempo real, separados por 9 anos de diferença e que assenta essencialmente nos diálogos dessas duas personagens. Cinco estrelas!

quinta-feira, maio 11, 2006

Alchemy



Só para dizer que vinha agora a ouvir este CD no carro e que continuo a achar que este é o melhor albúm de sempre da história da música!! Há outros quase tão bons mas este continua a ser o melhor!

quarta-feira, maio 10, 2006

Adolescência

Estava agora a ouvir na Antena 1 aquela música do Peter Cetera – “Glory of Love” e fui me deixando embalar até à minha adolescência! O primeiro “slow” numa festinha, o primeiro beijo nos lábios, o primeiro beijo de língua, (e o medo que eu tive de falhar esse beijo), as primeiras carícias e a …Vocês sabem o resto! E as paixões “assolapadas” umas atrás das outras? Daquelas em que jurávamos nunca amar mais ninguém assim dessa maneira?!

De todos as fases da minha vida a adolescência foi a que mais me marcou. Foi a fase de todas as descobertas! De repente o mundo está ali à nossa frente para ser desbravado e nós ansiamos a cada nova emoção por outra ainda mais forte! A vida é um turbilhão!

Recordo especialmente as minhas primeiras férias sem os Pais aos 15 anos, de mochila às costas… foram as melhores da minha vida, dignas de um daqueles filmes americanos de “teenagers”! E a Isabel, meu Deus, a Isabel!!!! E eu tão parvo deitei as fotos das ex-namoradas fora quando me casei!!! Mas onde é que eu estava com a cabeça??!!Porquê??(isto foi um pequeno desabafo no meio do post, não liguem!)

Tudo isto não quer dizer que não esteja agora a curtir tanto a vida como nessa altura, ou que os tempos da universidade tenham sido piores, mas é diferente. Hoje em dia a vida passa por nós a correr e nessa altura nós é que passávamos a correr pela vida.

terça-feira, maio 09, 2006

Agarrem-me!!!

Uma das coisas que faz parte da minha vida é a infertilidade. Há 8 anos que eu e a minha mulher tentamos ter um filhote sem conseguir. Já fizemos mil e um tratamentos em mil e um médicos e nada! Nem filho nem causa para a infertilidade.

Quando a minha mulher me falou em Homeopatas fiquei desconfiado, porque toda a vida fui educado a acreditar cegamente na ciência e a duvidar da medecina popular, mas como se trata de uma causa desesperada decidi tentar.

A minha surpresa aumentou quando descobri que o homem era cego, e quando esperava que ele desse uma série de causas prováveis para o nosso problema, o homeopata, só com as mãos, quase sem nos tocar, fez um chek-up completo, disse mal dos médicos que nunca desconfiaram das causas que estavam todas ali à mostra(!!) e comunicou-nos o problema. A tiróide da minha mulher estava a baralhar-lhe as hormonas!

A minha mulher acreditou em tudo o que ele lhe disse, mas eu fiquei com um pé atrás, até porque ele não foi muito simpático com as qualidades dos meus espermatozóides, de qualquer forma se tinha começado resolvi ir até ao fim!

Receitou-nos uma série de medicamentos naturais e a mim calhou-me este: Herbal Wonders, uns comprimidos naturais à base de Muira Puama!

Até aqui tudo bem mas vejam lá o que diz a embalagem: (desculpem a tradução, fui eu que a fiz) “Este medicamento afrodisíaco completamente natural vai melhorar a sua performance e energia sexual. Você vai ter erecções mais rígidas, mais prolongadas e mais satisfatórias, o que lhe trará a confiança que você merece.”

Vai ser preciso agarrarem-me! Eu não me responsabilizo!!

PS. Qualquer dia conto as aventuras das recolhas de esperma para análises e para tratamentos!!

segunda-feira, maio 08, 2006

2ª Feira

Hoje é bom que nem se aproximem!!
Estou prestes a explodir!
Só me apetece mandar tudo às malvas e ir para a Praia do Guludo em Moçambique, uma das 20 melhores praias do mundo segundo o jornal "The Observer"!

sexta-feira, maio 05, 2006

Sonhos

Ás vezes acontece-me…Acordo com um friozinho no estômago!
Algumas paixões antigas ficam-nos no nosso subconsciente e depois sem “mais nem quê” aparecem-nos nos sonhos e põem toda a nossa vida em dúvida.

E sabem que mais? Até é bom…

Será traição sonhar? Por um lado, não o estamos a fazer com consciência, mas por outro se sonhamos e se ainda por cima esse sonho nos faz tremer deve ser sinal que alguma coisa ainda cá anda! É muito confuso!

quinta-feira, maio 04, 2006

Blogs

Já há mais de um ano que comecei a visitar blogs. Alguns tenho-os acompanhado desde então e lei-os quase diariamente. Fui sempre muito discreto e das poucas vezes que comentei posts foi sempre com nicks diferentes. Parece um bocado estúpido, mas o facto de não ter nenhum blog, fazia-me sentir como um "penetra" no mundo da blogoesfera e por isso mantinha-me meio "escondido".

A esses blogs e aos seus autores, que mesmo sem o saberem já fazem parte da minha vida, deixo aqui o meu mais sincero agradecimento, pelos momentos que me proporcionaram. Uma palavra especial a estes 4 :

Inconfidências Femininas
Confissões de uma Mulher de 30
As Luas da Gata Tata
Vida de Casado

E agora já ficam a saber, eu também cá ando!! :-))

Para descontrair...


Enquanto não tenho tempo para grandes dicertações deixo aqui uma foto que tirei este inverno e que prova que as ovelhas também voam. Baixinho mas voam! :-)

terça-feira, maio 02, 2006

"À procura dum Marido"

Há um blog que gosto muito. Chama-se “À procura dum marido” e tem a seguinte descrição: “Aqui se regista o dia a dia de uma fulana de meia idade que se considera uma mistura de Bridget Jones (mas em mais magra) com a Ally McBeal (mas em mais gorda) e que talvez precise de um par de óculos antes de se lançar à aventura que é encontrar um novo Marido depois de ter sido traída!”

Ainda não o coloquei nos meus links porque ainda não percebi se há alguma regra de "ética" de colocação de links, isto é, se é necessário pedir autorização ao dono do blog. Se alguém me poder informar agradeço.

A razão porque que faço aqui esta referência é o facto de o blog não aceitar comentários de pessoas que não sejam autorizados, como é o meu caso, mas não queria deixar de transmitir o meu agradecimento à autora pelos belissímos textos.

O blog é muito divertido(tem um tipo de humor sarcástico que me agrada muito), mas ainda não percebi até que ponto a autora fala totalmente verdade. Há nos textos duas ou três coisas que são tão inacreditáveis que parecem ficção. Mas hoje fui surpreendido por um “post”. Uma carta dirigida à autora por uma amiga que me deixou “azambuado“ durante todo o dia, dada a forma quente e intensa como se descreve uma situação vivida pela autora da carta. Tocaram no meu ponto fraco! Este é o tipo de história que me deixa a trepar paredes! Se ficaram curiosos, procurem no google e leiam! 5 estrelas!

Por esses caminhos...


Há uns tempos, num passeio por umas estradas rurais do interior do País dei de caras com esta insólita imagem! Uma velha bicicleta cuidadosamente colocada em cima de uma grande pedra.

Em vez de mais um pedaço de lixo numa berma da estrada alguém com um óptimo sentido de humor construiu esta bela peça de arte!

Uffa!!! Desta vez não falei de mulheres!!:-)

segunda-feira, maio 01, 2006

Dove


Muitas vezes ouço as mulheres criticarem outras mulheres com comentários do género: “Olha lá aquela com as banhas à mostra!!!”, quando vêem alguém menos escultural usando, por exemplo, um top.

Eu por mim que sou homem fico indignado com esse tipo de reparos! Eu acho que o mais importante, até certo ponto (porque também há limtes para tudo) para uma mulher ser atraente aos olhos de um homem (e não de uma mulher) só tem que ter confiança em si própria. É através da confiança, que uma mulher, transmite sensualidade e para mim isso é que é o importante. Entre uma modelo escultural mas "fria" e uma mulher "roliça" mas sensual escolho, sem dúvida, a segunda.

Esta conversa vem a propósito daquele anúncio da DOVE em que as modelos são mulheres normais!Eu gosto!

Prontos, está dito!! E eu a pensar que ia aqui falar de música…!

O Mundo anda a ficar um lugar muito chato! :(

Daqui E daqui